terça-feira, 31 de maio de 2011

A BÍBLIA CONTADA POR NÓS #2

  


Impressionante mesmo! Quem diria que podemos matar uma pessoa com uma pedrinha, se esta for atirada exactamente p´ra testa. Mas atenção, se a pedra for para o estômago, para o pescoço ou até mesmo para a cabeça, aí as pessoas já não morrem. Muita atenção.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

ASSASSINIO ORIGINAL - GLOBOS DE OURO 2010

O Coutinho para a Simone de Oliveira:
- Desfolhava-te toda.

Este Coutinho, este Coutinho!

Fora de brincadeiras:
 








sábado, 28 de maio de 2011

PREVISÕES DO PASSADO - PART 3

Depois das "previsões do passado - part 1 e part 2", chega então a revolucionária "previsões do passado - part 3", no qual depois da seca dos outros, corresponderá aos gaffes tanto dos professores como nos alunos.


Passo então a citar:
  
Lavatório da sanita - Lavatório ao pé da sanita
Praís - País 
Creias - Crês
Joré - José
Doença dos diabetes - doença dos diabéticos 
Abitch - Bitch
Este metro - Este método





 Fora já de gaffes que já enjoa escrever, sabiam que os números 91 podem ser moches? 

quinta-feira, 26 de maio de 2011

A BÍBLIA CONTADA POR NÓS #1



































Em homenagem ao grande Deus, façamos um bezerro de ouro mas na fotografia tem mais cara de cabra. Isto é alguma indirecta? E concordo plenamente com Moisés, tipo, onde é que já se viu homenagear alguém com estátuas de cabras?

quarta-feira, 25 de maio de 2011

E PORTUGAL PRODUZ O QUÊ?


Cairo produz algodão
Luanda produz diamantes
Rio de Janeiro produz açúcar
Sidney produz lã
Alasca produz ouro
Xangai produz arroz
Nova Deli produz especiarias

E PORTUGAL PRODUZ O QUÊ?

Produz crises; vindas de ajudas externas; desemprego; criminalidade; corrupção; sentenças de 15 anos mas passados dois anos os criminosos estão livre; mentiras; birras e guerras políticas; pobreza; alcoólicos; má fama; filmes asneirentos e muito mais.



terça-feira, 24 de maio de 2011

É ASSIM QUE O MICO ENTENDE

Passou um ano e seis meses desde que um gato entrou na vida dos meus avós. O tempo foi passando até que o momento tinha chegado. Tinha chegado a altura de ter a tal explosiva conversa que uma mãe tem para a sua respectiva filha. Neste caso, o neto para o gato dos seus avós.

É assim que o neto fala com o gato preto e branco:

"Mico (o nome do gato) eu ainda me lembro quando tu eras um gatinho bebézinho que se alimentava do leitinho da mamãzinha branca. (Suspiro)  Tenho de parar de finalizar as palavras em "inho", pois já não és um bebé, mas sim um jovem gato. (Novo suspiro) Os anos foram passando e mudaste mentalmente. Já não te interessas pelas Playmobil que roías, mas agora interessas-te por Barbies Cats verdadeiras. Eu sei que pelo teu ar, custa ter esta conversa mas é para o teu bem. Tu tens que saber conter o teu entusiasmo. Tens que saber conter as tuas idas nocturnas às esquinas do nosso vigiado bairro. Tu não te podes entregar a qualquer gata pois podes sair prejudicado a todos os sentidos. Além de doenças, podes ser pai de dezenas e dezenas de gatinhos lindos como tu. Se isso acontecesse tinhas que trabalhar como um cão (desculpa a comparação) para sustentar os teus rebentos e as respectivas vadias mães. Pensa nisso Mico e qualquer for a tua decisão eu estarei aqui para te dar festinhas, Playmobil para tu roeres e algum dinheiro para os teus rebentos. Tenho dito."

É assim que o Mico entende:
"Mico, blá blá blá leitinho da mamãzinha blá blá blá Barbies Cats verdadeiras blá blá blá idas nocturnas às esquinas blá blá blá algum dinheiro blá blá blá"






segunda-feira, 23 de maio de 2011

AS CRÓNICAS DE NÁRNIA e os talismãs pesados #2






As “CRÓNICAS DE NÁRNIA e os talismãs pesados” acabaram exactamente nos últimos dias antes da primeira eliminação do PESO PESADO. Mas antes desse momento, recuaremos exactamente três dias antes. Precisamente quando a equipa azul (Ricardo e Filipe) sugeriu num pequeno quarto onde estava à sua espera um bom jogo funcional da Playstation. Nos seguintes minutos, até mesmo alguns “5 minutos” de jogo, é que a equipa azul se apercebeu que havia um envelope onde dizia que todos do Peso Pesado iriam dar uma “espreitadela” à praia mais próxima da herdade. Com essa grande notícia, a equipa azul correu para dar a notícia aos seus novos amigos e alguns inimigos. Grande festejo, grandes gritos, grandes abraços fizeram aquele pequeno momento num grande MOMENTO.
Mas duas coisas: primeiro eu penso que os concorrentes vão para o “campus” perder muitos quilos e não estar sentados nos sofás à espera que alguns joguem playstation. Outro ponto foi a decepção que todos sem excepção tiveram quando descobriram que não iriam apanhar banhos de sol na praia mas sim iam fazer o primeiro grande desafio. Sim, concorrentes, vocês foram para o PESO PESADO para ir à praia, estarem sentados em sofás e jogarem.
De todos os concorrentes, destaco a minha favorita. O desafio era completamente exigente e depois de a maior parte ter perdido, Susana por um triz não ganhou o prémio. Prémio esse que mais polémico trouxe. Enquanto que no campus americano, a maior parte dos prémios é cerca de meio quilo de vantagem, cá o prémio é mais de o triplo, isto é, cerca de três quilos. Se ganham quantidades exageradas de quilos, para quê perder outros quilos. Eu penso que a vasta equipa técnica do programa podiam transformar o grande ginásio numa estância de massagens e spas. Quem vê o programa repara que às vezes aparece momentos em que os concorrentes falam do que pensam etc. Mas também já devem ter reparado que atrás deles aparece também vultos. Tanto é no exterior como no interior.
De todos os concorrentes há aquele, neste caso aquela que mais ódio me deu. Sem ofensa Tânia pois até acho-te bonita, se tu não querias estar fechada na herdade que acaba em sal, então porque concorreste? Certamente havia mais pessoas (cerca de 10 mil) que gostavam de estar no teu lugar. No princípio, eu pensava que a Karen era aquela preguiçosa que não lhe apetecia fazer nada, mas enganei-me redondamente. Parabéns Karen embora tenhas sido expulso do PESO PESADO.
         Queria ainda dizer que aquela voz que faz a publicidade do programa ao longo do dia para não repetir afirmação: “TODOS QUEREM SER O PESO PESADO”. Quem é que quer ser gordo (a)? E não é só cá fora que oiço isso. Para quem vê euforicamente o programa, deve já ter reparado que o próprio Filipe o disse com maior convicção possível quando tinha a cargo as pulseiras “extra” e “nada”. Pulseiras essas que chocou completamente pois vejamos nesta expectativa. O Filipe dava a pulseira do “nada” a um dos concorrentes mas quando esse concorrente fosse expulso, entregava ao Filipe. Portanto não vi qual era o bom de ter ganho o “poder da caminhada”. O que vale é que a bonita Tânia” entregou a pulseira ao candidato laranja.
Apenas digo isto, a pulseira apenas diz que a SIC vai fazer de tudo para que não seja atribuído os 50 mil euros ao vencedor. E isso foi a coisa que mais chocou de tudo o que se já passou e vai passar.
         
PS: Como o programa tem semanas de atraso então também faço post de algumas semanas de atraso.

domingo, 22 de maio de 2011

O IMPÉRIO DO MEL E DAS OPERAÇÕES PLÁSTICAS

Depois de "ardos" dias de pesquisa, reparei que quando as abelhas picam alguém, as zonas picadas ficam inchadas. Para as pessoas que são bué fãs do botox, podiam pensar em serem picados por abelhas, Tipo se querem aumentar os lábios, façam com que as abelhas piquem nessa zona, assim como na zona no rabo se quiserem aumentar este.

O método "abelhotox" além de ser muito pouco poluente, é saudável, de borla e sobretudo sem necessidade de médicos que podem usar drogas de violação em vez de anestesia.

Depois do império do mel, parece que as abelhas voltaram para dominar mais uma vez o ser humano.

sábado, 21 de maio de 2011

TRADUÇÃO SEM LIMITES

A partir de hoje já não vai mais haver racismo de línguas.

Os ingleses que não percebem o português, podem ver o blog em inglês.
Os espanhóis que não percebem o português que é muito difícil, podem ver o blog em espanhol
Os japoneses que não percebem o português, podem ver o blog em japonês
Os franceses que não percebem o português, podem ver o blog em francês
Os italianos que nao percebem o português, podem ver o blog em italiano
Os alemães que não percebem o português, podem ver o blog em alemão
Os hebraicos que não percebem o português, podem ver o blog em hebraico.


NOVELAS VAMPÍRICAS

"Há uma linha que distingue o que é bom do que é mau! Há uma linha que separa do que hoje é moda e de que amanhã, já é história."




Por falar em "já é história", a moda dos vampiros já passou de moda há muito tempo. Até o segundo filme da saga "twilight" foi eleito pela "Framboesa de Ouro" (uma espécie de Oscares mas para piores filmes do ano). Por isso não vejo o motivo para a SIC passar a "Lua Vermelha" aos fins-de-semana, quando estes servem para visionar desenhos animados de categoria máxima, e não novelas vampíricas que só fazem adormecer a malta. Vale mais faltar à missa da tarde de sábado na igreja e ver a missa de Domingo na TVI quando esta está a fazer concorrencia aos vampiros.



sexta-feira, 20 de maio de 2011

O "NOTTING" DAS PESSOAS

Para as pessoas de classe média, um cêntimo não é nada!

Para as pessoas ricas, cinco euros não é nada!

Para as pessoas multi-milionárias, um milhão não é nada!

Para José Sócrates e Passos Coelho, 13% de desemprego não é nada!

quarta-feira, 18 de maio de 2011

REMÉDIO SANTO DOS PORTUGUESES

Depois de ter recebido esta corrente, achei necessário partilhar estes provérbios tipicamente portugueses.

"1.Em Janeiro sobe ao outeiro; se vires verdejar, põe-te a cantar, se vires o Sócrates, põe-te a chorar

2.Quem vai ao mar avia-se em terra; quem vota Sócrates, mais cedo se enterra.
3.Sócrates a rir em Janeiro, é sinal de pouco dinheiro.
4.Quem anda à chuva molha-se; quem vota em Sócrates lixa-se.
5.Ladrão que rouba a ladrão tem cem anos de perdão; parvo que vota em Sócrates, tem cem anos de aflição.
6.Gaivotas em terra temporal no mar; Sócrates em São Bento, o povinho a penar
7.Há mar e mar, há ir e voltar; só vota em Sócrates quem se quer afogar.
8.Março, marçagão, manhã de Inverno tarde de Verão; Sócrates, Soarão, manhã de Inverno tarde de inferno.
9.Burro carregando livros é um doutor; burro carregando o Sócrates é burro mesmo.
10.Peixe não puxa carroça; votar em Sócrates, asneira grossa.
11.Amigo disfarçado, inimigo dobrado; Sócrates empossado, povinho lixado.
12.A ocasião faz o ladrão, e de Sócrates um aldrabão.
13.Antes só que mal acompanhado, ou com Sócrates ao lado.
14.A fome é o melhor cozinheiro, Sócrates o melhor coveiro.
15.Olhos que não vêem, coração que não sente, mas aturar o Sócrates, não se faz à gente.
16.Boda molhada, boda abençoada; Sócrates eleito, pesadelo perfeito.
17.Casa roubada, trancas na porta; Sócrates eleito, ervas na horta.
18.Com Sócrates e bolos se enganam os tolos.
19.Não há regra sem excepção, nem Sócrates sem confusão.



terça-feira, 17 de maio de 2011

PUBLICIDADE ENGANOSA QUE DÁ LUCRO

Estão a ver aquele novo anúncio da ACTIVIA? Aquele que a Fernando Serrano aparece no balcão de um supermercado e a funcionária diz: "Fernanda, bebe ACTIVIA? Eu a pensar que era só na televisão!" 

Tipo, está uma pessoa a pôr destaque à marca Danone relativamente à ACTIVIA no blogue para estes enganarem as pessoas. "Eu a pensar que era na televisão!" - mas tu caríssima funcionária e a Fernanda Serrano estão na televisão. Estão a representar. "Representar faz sentido na televisão!" - E faz sentido.



PS: Pessoal da Danone, estou a espera do dinheiro pela publicidade neste blogue. Mas que é isto? Isto não é uma fábrica têxtil que quando vai à falência, não paga o que deve. Não me façam perder as estribeiras, colocando-vos em tribunal. Puff, também com a justiça que Portugal tem, bem podia esperar uns bons anos.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

O FUTURO DA AL-QAEDA

Quem diria que passados 10 anos depois do grande atentado às torres gémeas que o aterrorizadorzinho mais famoso do planeta iria ser apanhado. Apanhado, morto, desfigurado e atirado ao mar.
Depois de a notícia já ser morta (perceberam a piada) resolvi então dedicar o meu tempo a esclarecer algumas perguntas aos caríssimas eleitores que certamente irão votar nas eleições de 5 de Junho.


1º Porquê é que os EUA atiraram o corpo para o mar?
Boa pergunta, penso que foi por causa de dois pontos essenciais. O primeiro foi porque nenhuma nação queria ter o Obama Bin Laden (para muitos) enterrado no seu território e o outro ponto foi porque se alguém tivesse o corpo do terrorista ainda construíam um templo de louvação tal como os deuses tiveram nos tempos romanos e gregos.



2º Porquê é que os EUA não divulgam as fotos?
Segundo a desculpa da Casa Branca, não há a divulgação das fotos pois são demasiado chocantes para mostrar. Mas agora pergunto, a fome em África também é demasiado chocante, então porque é que deparo me com isso todos os dias?

3º Porquê é que o Bin Laden morreu?





4º O que vai acontecer agora aos EUA?
Bem se houvesse o Harry Potter, o Obama pedia que este fizesse uma grande barreira protectora tal como o castelo de "Hogwarts" possuía antes do "Voldemort" a destruir.


5º Qual o futuro da Al-Qaeda?
Se tiverem jeito para a dança ou canto, façam o castign para os Morangos com Açúcar e se entrarem, tem já o futuro da representação garantida. Ou até mesmo para os membros mais tímidos, podem colocar vídeos a cantarem no Youtube e com sorte, são descobertos pelo Usher ou outro "dred".






quinta-feira, 12 de maio de 2011

SIC MULHER NO SEU AUGE

O Biggest Loser americano era visto por milhares e milhares de pessoas tanto à noite como à tarde na SIC Mulher, ou seja, era uma grande sucesso para o canal. Contudo, eles resolveram acabar com esse sucesso para colocar um novo reality show de "pegas". "Começar de Novo" é um novo programa que é composto por 8 canadianas cuja sua auto-estima está no limite devido aos seus fracassos relacionamentos amorosos anteriormente. Durante seis semanas, elas vão estar numa mansão a mudar radicalmente a suas vidas (desde fisicamente como psicologicamente, desde emagrecerem, aprenderem a maquilhar-se até aprenderem danças "eróticas" ) e o objectivo depois é vingar-se nos namorados que acabaram com elas.
Não é que eu não goste de vê-las a dançar "eroticamente" mas se quero ver vinganças, mudo para as novelas da TVI que ainda têm o maior prestigio.



Mas se pensam que acabaram com o Biggest Loser para as pessoas verem a versão original na SIC, estão muito enganados. Querem fazer asneiras, façam. Comigo é que não contam. Que este novo reality show não tenha sucesso e que fique sem audiências.


terça-feira, 10 de maio de 2011

OS CINCO ANDARES DA VIDA PORTUGESA

Portugal está, no momento, nesta situação:

Intitulada "Os Cinco andares da vida portuguesa". No rés-do-chão, encontram-se os desempregados que fazem de tudo para se sustentar; no 1ºandar, possuidor de varanda, habitam o FMI no qual vivem como "reis" cheio de luxos e conforto. No 2ºandar, vive o José Sócrates e os seus "campangas", possuidores de riqueza (embora inferior a do FMI) originada por roubos aos portugueses. No  3º andar habitam os portugueses empregados, considerados a classe média, embora quase baixa com empregos temporários. Por fim, a mansarda  (espécie de sótão) é o refúgio dos velhos de tão sozinhos que estão e dos pobres.

segunda-feira, 9 de maio de 2011

AS CRÓNICAS DE NÁRNIA e o crepúsculo da tribo #1




Foi exactamente no dia 8 de Maio que a TVI brindou mais uma vez com um reality show revolucionário. Depois do Secret Story que ficou marcado pelas intrigas entre Vítor e Ana Isabel, pela deusa grega do António e pela mania de higiene de Ivo, a revolução voltou com os “Perdidos na Tribo”. Durante três longas semanas, 12 concorrentes terão de viver em três tribos. Viver não. Mas sim sobreviver, às condições de vida na selva.
Um dos pontos em que sempre distinguiu-se a SIC da TVI foi a escolha dos programas. Enquanto que a SIC marcou sempre pontos com projectos com alto sucesso internacional (Ídolos – American Idol; - Portugal tem talento – Britain´s Got Talent; Biggest Loser – Peso Pesado) onde os portugueses ficavam sempre com grandes expectativas, a TVI investiu sempre em programas que embora tivessem sucesso internacional, eram pouco conhecido cá dentro (Big Brother – originado no Brasil; Secret Story – originado em França; Perdidos na tribo – originados em Espanha).
O “Perdidos en la Tribu” sempre foi composto por doze concorrentes completamente desconhecidos na sociedade mas a TVI teve que mudar os projectos. O PESO PESADO é um programa “de peso”, ou seja, demasiada concorrência e com isso, a TVI teve que substituir o desconhecido em conhecido. E nada melhor em colocar José Castelo Branco. José Castelo branco porque sim. Até bastava apenas o Castelo Branco no reality show para a TVI ter algum sucesso. No entanto a Veríssima será uma das fortes revoluções do programa. Apesar de ser um reality show de famosos e ela não ser propriamente famosa, espero que esta não faça bruxaria, tal como fez no Secret Story. Através de alfinetes, espetou-os num boneco feito de palha parecido com um dos concorrentes que muito fez correr tinta.
Depois de tanta espera, chega a aventura do ano. Quatro grupos foram levados para três distantes civilizações onde água escasseia ou até mesmo onde as mulheres são consideradas inferiores a porcos. Mas vamos por partes, ou seja, por tribos. Joana Alvarenga, Luís Lourenço, José Carlos Pereira e Mafalda Teixeira juntaram-se à tribo Nakulamené, nas ilhas do Pacífico onde são respectivamente tratados “abaixo de cão”, neste caso, “abaixo de porcos”. Nem com vertigens podem se dar ao luxo de negar o sítio onde irão dormir longas e longas horas. Esse sítio é situado, nada mais, nada menos, a vários metros de altura, instalado em fortes árvores. As mulheres serão as escravas da tribo enquanto que os homens serão os que protegem a tribo e vão buscar lenha à noite. No escuro, estes tem de percorrer quilómetros em busca de lenha, no qual poderá ser fatal se pisarem cobras, aranhas, escorpiões mortais.
Sérgio Vicente, Marta Cardoso, Vera Ferreira e José Castelo Branco foram recebidos na Namíbia pela tribo Himba. Um povo nómada e polígamo serão os responsáveis dos severos castigos se os concorrentes negarem as suas leis. Lá terão de engolir todos os sapos, desde comer bichos nojentos, beberem sangue de animais e até mesmo passarem dias e dias sem tomar banho. Caso referido somente p´ra as mulheres.
Por fim e não menos importante Fernando Mendes, Cláudia Jacques, Kapinha e Io Apolloni integraram a tribo Hamer, na Etiópia. Os homens dormirão juntos ao ponto de se abraçarem durante a noite, enquanto que as mulheres dormirão em tendas cheio de moscas com o intenso calor.
Para primeira crítica oficial, os “Perdidos na tribo” arrancaram com algum fogo. Desde a apresentação das tribos, dos concorrentes até à chegada atrasada do José Castelo Branco. O mesmo homem que teve o maior protagonismo do episódio, algo negativo para a TVI já que o reality show não é somente ele. Sem ainda lançados os resultados do share, o programa, a meu ver, foi um autentico sucesso embora tenha tido momentos mortos. Momentos esses que levou à mudança para o Peso Pesado onde a passagem acontecia. Contudo as mudanças apenas duraram segundos e foram poucas as poucas, até chegar a comédia aos “Perdidos na Tribo” como:
“- Como te chamas? – Perguntou o rapazinho ao Kapinha
- Sem perceber o que dizia apenas dizia, sim, sim.
- Ciu?
- Sim, Sim.
- Como te chamas? – Perguntou o mesmo rapazinho desta vez ao ex.futebolista
- Sim, Sim – Respondeu Fernandes sem saber também o que ele dizia.
- Ciu?
- Sim, Sim!
- Tem o mesmo nome – Concluiu o rapazinho, pensando que eles chamavam mesmo “Ciu”
- Sim Sim – respondeu os dois concorrentes.
De volta a Namíbia, o primeiro ponto que causou gargalhadas foi quando José Castelo Branco foi levado ao colo por um homem da tribo. Outros momentos foram a chegada calorosa das mulheres ao Zé (termo chamado pela Veríssima) e a reunião entre os "famosos" e todos os homens da tribo, incluído o grande chefe. Querendo o Castelo Branco falar, o chefe apenas o mandava calar, com gestos. Por fim, o ponto-chave do programa foi quando o Castelo Branco foi levado para as tendas das mulheres, pensando estas que ele era realmente uma mulher.
De 0 a 20, um bom 15.


sábado, 7 de maio de 2011

O OPOSTO DO FMI OU DO FEEF - Part 1

Dizem que foi a pior coisa que já disse na minha vida, mas vejam noutra respectiva:

Com a queda de vários países da Zona Euro, nomeadamente a Irlanda, a Grécia, Portugal, daqui a alguns anos se esta queda não resolver, toda a própria União Europeia pode estar em perigo de destruiiiição. O Durão Barrosinho ou até mesmo o Vitorzinho Constâncio podiam levar uma ideia ao Parlamento Europeu. Essa ideia consistia em fabricar uma pequena quantia de dinheiro. Já que Bruxelas possuí uma máquina que qualquer Homem queria ter, podiam fabricar uns poucos de 13500 mil milhões de euros. Distribuía-se esse dinheiro a cada estado membro, ou seja, dava mais ou menos, 500 mil milhões a cada país. Esse dinheiro resolvia a crise de Portugal, da Irlanda e da Grécia e os países ricos ficavam na mesma OS MAIS RICOS e AINDA MAIS RICOS. Nós ficávamos foram da crise e na igual situação de à 10 anos atrás, isto é muito inferiores à Alemanha e França. Grande solução, penso.

Portanto, Barroso e Constâncio, sem deixar de fazer uma verdadeira falácia de misericórdia, apelo-vos ao bom senso e assim colocar essa ideia no parlamento. Não vos custa nada, simplesmente vêem o "não garantido", oficializando assim a queda de Portugal.


sexta-feira, 6 de maio de 2011

AS CRÓNICAS DE NÁRNIA e os talismãs pesados #1




Desde a primeira temporada até à recente que o Biggest Loser se tornou o reality show que mais conquistou a América. Não só motivado pela fracassada capacidade física dos concorrentes como pelas suas emocionantes histórias. Conquistou a América e poderá conquistar completamente Portugal já que a SIC resolveu fazer uma versão portuguesa Até ao último segundo do início do primeiro episódio que a SIC fez questão de publicitar em revistas e no próprio canal que o PESO PESADO iria mudar as vidas dos portugueses. E foi esse mesmo pensamento que às 21:45 em ponto, mudei para o canal 3 no passado Domingo. Sinceramente estava com muitas expectativas, queria ver como a SIC iria fazer o programa já que estava bastante habituado a ver o Biggest Loser desde a temporada 5. Em primeiro lugar e antes das críticas positivas ou negativas, queria dar os parabéns à SIC duas vezes. Pela primeira vez, um programa da concorrência conseguiu ultrapassar a audiência da novela “Espírito Indomável”. Por outras palavras, num apenas episódio, o PESO PESADO consegui conquistar quase dois milhões de público, isto é, mais de 40% de share. Os outros parabéns vão para o início do programa onde se anuncia os concorrentes. Apesar de ser completamente diferente à da América, gosto deste não só pela cumplicidade dos concorrentes como pela banda sonora protagonizada pela vencedora dos Ídolos 3.
O princípio do PESO PESADO até foi satisfatório: o conhecer das instalações (apesar de serem fracas comparadas com as da versão americana); o conhecer dos concorrentes assim como as suas histórias; o primeiro desafio de percorrer 2 km até chegar ao “campus”. Termo mais conhecido no outro lado do oceano. Contudo algo fez baixar e muito a minha opinião do PESO PESADO. Em primeiro lugar foi o prémio de só 50 mil euros. Também o que interessa realmente é a perda de peso mas se querem imitar um programa de tanto sucesso, imitavam-no bem. E já nem estou a falar da inexistência do prémio de casa tal como existiu sempre na versão americana. Em segundo foi o primeiro desafio que iria determinar quem ficava e quem saía do programa. Eu juro que se a concorrente Susana (que por acaso é a minha favorita) fosse expulsa devido àquele desumano desafio de percorrer um campo cheio de lama, nunca mais iria ver o Biggest Loser versão portuguesa.

Mas em aspectos positivos, a SIC melhorou com a ideia do “Comando” cuja finalidade era originar cumplicidade entre qualquer equipa porém foi completamente desastrosa no primeiro episódio. Essa parte fez recordar alguns anos atrás quando a TVI passava no ar a Quinta das Celebridades. Mas isto não é a Quinta das Celebridades onde podem maltratar as pessoas. Mas sim, é um programa onde há pessoas em ponto de depressão com tanta descriminação e falta de sensibilidade que há p´ra com eles.
De tudo o que podia acontecer, não contava uma pausa de três minutos que a SIC resolveu meter no qual causou de imediato a mudança de canal para a TVI. Naquele momento estava a Claudette amarrada na cama enquanto, Mico festejava a sua vitória na lotaria. Uma espécie de euro milhões nos anos 80. O episódio do Anjo Meu estava a ser tão emocionante que já nem me lembrava que o PESO PESADO estava a dar. Só passados cinco minutos é que me lembrei do sucedido e aí já estava a dar as pesagens. O momento, penso eu, mais aguardado por todos os portugueses. Só que mais uma vez a SIC resolveu fazer asneiras e terminar o episódio depois de apenas duas pesagens. Para as pessoas, que não viram o programa, terem uma noção, num espaço de mais de 20 minutos apenas pesou duas equipas com dois elementos cada. Após uma pesagem, a “Alison” enrolava tanto a conversa que mais de 15 minutos foram apenas conversa entre as equipas e a Júlia Pinheiro.
O primeiro episódio acabou e a crítica ficou no limite possível, para não dizer negativa. Mais uma vez Portugal conseguiu estragar um programa internacional. Eu sei que Portugal também não tem os meios e a originalidade tal como os outros países e foram esses mesmos os motivos que levaram a ver os diários do PESO PESADO. O primeiro diário foi a continuação das pesagens. Acho que foi a primeira vez que houve mais aspectos positivos do que negativos. Seguiu-se terça, onde seria os primeiros treinos e mais uma vez a SIC DESILUDIU. Se aquilo era considerado treinos intensivos, então Portugal é a grande potência mundial. Na mente de todos, um treino intensivo são corridas nas passadeiras; corridas nas bicicletas; subir escadas, desce-las e voltar a subi-las; dar voltas num espaço grande; ouvir muitas asneiras de tanto esforço; e isso foi algo que eu não observei. Apenas visionei corridas com troncos magrinhos a serem arrastados pelo chão; alongamentos; “passeios” com sacos de farinha light (penso) nas mãos dos concorrentes uma apenas asneira etc.
Quarta-feira chegou, ou seja anteontem,  e no terceiro diário, pela primeira vez, ia haver a primeira tentação. Apenas digo: nunca vi uma pessoa tão labrega a chegar ao ponto de dar mais atenção aos bolos que apareciam do que à imunidade que era o grande e mais desejado prémio e sobretudo nunca vi uma tentação tão pobre e tão estúpida em relação ao prémio. Poder na caminhada…WTF. Mas apesar destas críticas inofensivas, há alguma coisa neste programa que não me deixa mudar de canal, isto é, deixa-me dependente da SIC entre as 21:35 e as 22:13/14. E isso é bom para a SIC
O grande momento do PESO PESADO está a chegar e esse momento é nada mais, nada menos como a primeira eliminação porém de certeza absoluta que a SIC não vai ter o mesmo resultado de audiência que teve na semana passada. Por dois motivos: por toda a gente saber já quem é que vai sair, ou seja a equipa roxa (Karen e Tânia) e pela grande estreia dos Perdidos na Tribo que um dos “grandes” protagonistas é o famoso homem/mulher José Castelo Branco.

Para terminar um conselho à SIC, uns dos motivos que leva ao sucesso é o suspense, a curiosidade e até mesmo as reviravoltas na história. Se sabemos quem sai e quem é aquele que perde mais peso por semana, pelas revistas sociais e até mesmo pelos jornais, então não vale a pena perder quase uma hora por dia a ver o PESO PESADO.

segunda-feira, 2 de maio de 2011

TODOS DIFERENTES. TODOS COM O MESMO OBJECTIVO

O FMI é como os Exames Nacionais do Ministério da Educação
O FMI é como o voldemort do Harry Potter
O FMI é como o icebergue do Titanic
O FMI é como a bruxa da Branca de Neve e os 7 anões
O FMI é como o Pedro do Pedro e o Lobo
O FMI é como o Team rocket dos Pokemons
O FMI é como o chocolate do Charlie e a Fábrica de chocolate
O FMI é como o Lord Farquaad do Sherek
O FMI é como a Angel Merkel da Alemanha


Todos diferentes. Todos com o mesmo objectivo. Controlar tudo e todos.





ATENTADO A PORTUGAL (LISTA NEGRA)

ATENTADO A PORTUGAL (LISTA NEGRA)
Mas quem é que esta gente é para agora meter-se com Portugal?